Tratamento do aneurisma da aorta mantém Hospital como pioneiro e inovador no uso da tecnologia

Após a realização de duas cirurgias pioneiras no Brasil pelo cirurgião vascular do HSC, Dr. Guilherme V. Meirelles, mais um procedimento inédito no país colocou o Hospital como um dos mais atuantes na vanguarda da cirurgia do aneurisma da aorta.

De acordo com o especialista, o primeiro procedimento consistiu no tratamento de um aneurisma do arco aórtico, “através de uma endoprotese ramificada para arco aórtico, produzida na Austrália especificamente para o paciente”. O segundo caso foi outro aneurisma da aorta, “agora justa renal, tratado com uma prótese produzida nos Estados Unidos – também exclusivamente para o paciente já submetido a diversos tratamentos anteriores como de aneurisma da aorta torácica e infra-renal. Foi o primeiro caso com esta prótese em toda América Latina”, contou Dr. Meirelles.

Recentemente, Dr. Meirelles realizou a primeira fixação de uma endoprotese torácica “com um sistema de ancora conhecido como Heli-FXTM EndoAnchor TM System (Meditrônic)”. “Esse procedimento possibilitou um reforço na fixação da endoprotese em uma área de apoio extremamente curta, evitando a necessidade de uso de endoprotese ramificada, e assim diminuindo o risco de paraplegia. A redução do uso de contraste e a eliminação da necessidade de cateterização das artérias viscerais contribuem para redução da insuficiência renal e riscos para o paciente”, enfatizou o cirurgião vascular.

APOIO

Para o especialista, o apoio do Hospital, de todo o grupo de anestesista, bem como equipe da hemodinâmica e da Unidade Coronariana possibilitaram o tratamento do paciente, que não suportaria uma cirurgia aberta. “No quarto dia pós-operatório, o paciente já estava em casa, em companhia de seus familiares”, finalizou.

O MÉDICO

Dr. Guilherme V. Meirelles é especialista em Angiologia, Cirurgia Vascular e em Angiorradiologia e Cirurgia Endovascular pela Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular. É também Mestre em Cirurgia pela Unicamp, assistente da Disciplina de Cirurgia do Trauma – Unicamp e foi diretor do Departamento de Angiorradiologia e Cirurgia Endovascular da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular-SP no biênio 2016-2017.